14 de mai de 2009

Adágio - para ser lido ao som de Bjork


um adágio é como uma carta de amor escrita em letra cursiva

é um vôo sem freio...
umas asas abertas numa queda agressiva disfarçada de passeio

é a pele querendo ser o
avesso
é a tristeza querendo ser elegante


é uma brisa que guarda em si o potencial da destruição
(Flávia Lucato)
Imagem: Banksy.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Você também pode comentar.